Seja social na vida real!

maio 26, 2014



Já nos apresentamos, agora podemos começar a trocar experiências e tudo mais. São tantas ideias que eu tenho pra compartilhar com vocês, que é difícil escolher por onde começar, moda, música, filmes, textos... É uma infinidade de ideias, e que, em breve estarão no ar. Acabei pensando bem, e por que não, falar daquilo que faz com que eu, você e o mundo inteiro, estejamos conectados nesse exato momento. A internet e as redes sociais. Qual será a influência que elas possuem na vida das pessoas?




As redes sociais, nada mais do que imitam nossas redes de amigos no mundo real. Mas elas não são nenhum pouco reais, então, desapaguem um pouco. Já parou para contar quantos dos seus amigos no facebook você realmente conhece, ou no mínimo conversa no bate bato? Garanto que menos de 10%. Por mais íntimo que você pareça estar das pessoas que você segue no seu instagram (afinal você sabe sobre o almoço delas, lugares que elas gostam, o que estão vestindo, quando vão dormir, quando estão tristes... e muuuito mais), você não é. Pessoas tem uma enorme tendência a mostrarem apenas seus pontos fortes. Ninguém posta "se sentindo feliz - fazendo faxina" (risos).



Por isso devemos saber colocar limites, tudo que é em excesso é prejudicial. Não importa o que seja. É claro que a tecnologia nos ajuda (e muito!) em inúmeras coisas. Te dão um leque de possibilidades, de pesquisa, informação, entretenimento, reencontro com pessoas que você não via há muito tempo, e está entre um dos melhores meios de comunicação, devido à sua instantaneidade. Ou seja, encurtam distâncias. Ok, isso é realmente válido, quando você conhece uma pessoa no Japão e adora conversar com ela. Mas essa tal de tecnologia, está unindo as pessoas distantes, e afastando as próximas. Quantas pessoas estão no mesmo ambiente, e não conversam entre si, pois seus olhos estão fixados no celular e seus dedos digitam freneticamente.




Olhem para frente ao andar, qualquer dia serão atropelados ou no mínimo irão tropeçar e será um mico e tanto. Está tudo bem, se você for para um lugar distante e não tiver sinal de internet, o mundo não vai acabar. Aproveite pra viver a vida de verdade. Atulizar seu status a cada 10 minutos, na verdade não te dá status nenhum. Meninas, vocês são lindas, independente de quantos "curtir" têm suas fotos. Procurem novas coisas pra fazer. Irão ver que as redes sociais são ferramentas legais para ajudar sua vida, e não para você viver em função delas.





Estou longe de pedir para vocês jogarem seus telefones e notebooks fora, e virarem filósofos. Até porque, eu também adoro a internet, e a uso MUITO. Mas é apenas um alerta pra refletirmos sobre nossos valores, sobre a nossa vida e como queremos aproveita-lá. A internet é tão parte de nós, que é natural no nosso dia. Vamos usá-la em nosso favor, e não pra acabar com as relações humanas.

Comentem o que vocês acham das redes sociais, e como as utilizam...

You Might Also Like

8 comentários

  1. to amando tudo isso! Que orgulho ♥

    ResponderExcluir
  2. Nada me irrita mais do que estar conversando com uma pessoa e ser trocado por um celular. Penso que as redes sociais eram saudáveis quando tudo se baseava em Orkut e Msn, onde não havia essa angústia por falar tudo o que está fazendo; o Orkut ajudava muito a encontrar velhos contatos e trocar breves mensagens, e inclusive existia um espaço para debate que não encontro em nenhuma das redes sociais (os fóruns das comunidades), enquanto o msn era excelente para um bate-papo mais longo e privativo, e também para dar aquela cantada na garota do colégio por quem eu era vidrado rs isso, ao meu ver, ainda estimulava às pessoas a levar uma vida mais "offline", e não fazia com que as pessoas buscassem status (ao meu ver), mostrando tudo o que fazem, o que consomem e os locais que frequentam. E ainda nesta questão, tentei (e tento) ao máximo me afastar das redes sociais, porém, com tantas mudanças ocorrendo, o meu trabalho de Social Media (que coisa, existe um trabalho voltado para as redes sociais) não permite que eu faça isso, embora me garanta boas risadas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você tem razão, a internet hoje em dia acaba sendo inevitável. Então temos que aprender a usar a nosso favor não é mesmo? Muito legal seu comentário sobre os forúns, pois realmente não existe mais hoje em dia locais pra discussões como eles e eram muito úteis.

      Excluir
  3. Super interessante! É necessário parar um pouco e peeceber que estamos vivendo em um mundo real, e não em um mundo virtual. Amei o post ♡

    ResponderExcluir
  4. Adorei a matéria!
    As vezes me sinto um peixinho fora dàgua pois não tenho internet em casa e fico perdida querendo falar com as pessoas saber que esta acontecendo, parece que sou de outro mundo e quando comento que não tenho internet as pessoas ficam me olhando , "como assim". E igual email, aonde vc vai e tem que preencher algo , sempre perguntam o seu email. rrsrs e isso !!!! Mundo virtual !!!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. É muito facil notar que toda essa comunicação também é uma incomunicação, uma desinformação, não devemos viver em função da tecnologia, porque afinal de contas somos seres humanos e não robôs, muito triste olhar em volta e vê que as pessoas não se observam mais, não se comprimentam, olhando nos bares, restaurantes,ou em qualquer ambiente movimentado veremos que todos estão com seus celulares, super destraídos, sorrindo pra tela, dentro de outro mundo,o corpo parado e a mente viajando, se vestem bem para aquele close em busca de recordes em likes, transformando assim a sua vida em um albúm virtual, ignoram a existencia de quem está por perto, parentes e amigos são sujeitos a procurar algo para se destrair, para evitar o tédio de assistir a mesma cena toda hora de falar com a pessoa e a pessoa responder olhando para o celular, e isso quando responde né! ? Parentes também acabam procurarando o celular para se destrair, já que a pessoa a sua frente não da importancia ao seu assunto e a sua presença. Assim todos agem em função desse vicio.
    Só passei a perceber isso quando o meu celular deu pane, daí fiquei sem whatsapp,facebook, etc. Pois eu era um desses que não falava mais com ninguém a minha volta, nem me alimentava direito, acabei ficando sedentário não fazia mais nenhuma atividade fisica pois se eu me destraísse um pouco com o mundo real deixava um montão de gente no whatsapp falando sozinho, não olhava mais para o horizonte, paissagem se resumia em uma tela de 4" polegadas, sempre a procura de status, não aproveitava um ambiente bom de verdade como uma praia, sitio, pois eu estava mais preocupado em informar onde eu estava no momento mostrar que eu estava feliz, e sei que 90 % das pessoas que utilizam esse serviço é pra essa mesma finalidade, meus irmãos em volta jogando volei, futebol, e eu sentado teclando.
    Não saboreava mais uma pizza, pois eu comia olhando pro celular e quando percebia ja tinha acabado aquele fatia.
    Por um lado eu sinto bastante falta do meu celular, pois precisamos da internet para fins positivos ,mais olhando por outro lado me sinto liberto desse vicio virtual.
    Tenho muito medo que isso tome conta do mundo inteiro fazendo com o que as pessoas vivam em função da tecnologia.
    Meu conselho é que, NADA EM EXCESSO É LEGAL.
    então utilize sim a tecnologia, mais de maneira sabia, com total prudência!
    Outro caso também que não posso deixar de citar aqui é que ninguém mais ajuda o proximo em uma situação delicada antes de filmar aquela tragédia para compartilhar com os colegas no whatsapp ou no youtube, então não vamos ser desumanos, porque poderia ser qualquer um de nós naquela situação ou até mesmo um parente.
    Então é isso aí galera, espero que estejam todos cientes dos males e beneficios das redes sociais.
    e adorei a matéria Carol Neumann, sucesso na carreira tudo de bom.


    "Jorge Luiz"

    ResponderExcluir
  6. Como já dizia o sabio pensador Luis Fernando Veríssimo "Tudo que vicia começa com C"


    ---Jorge Luiz

    ResponderExcluir

Google +

Subscribe